A Festa das Cerejeiras


Sakura - Flor de Cerejeira
Sakura - Flor de Cerejeira

Todos os anos, durante um curto período de poucos dias, o desabrochar de uma flor torna-se o centro das atenções, ganhando uma série de festejos em várias partes do mundo. A homenageada é a sakura, a flor da cerejeira.

O costume de apreciar e reverenciar a floração das cerejeiras remonta a uma época anterior ao Japão feudal, muito antes de surgirem os primeiros samurais. Em 710 d.C., durante a Era Nara da história japonesa, os nobres já dedicavam um tempo apenas à contemplação do desabrochar da sakura, em um festejo denominado hanami.

A festa das cerejeiras não somente atravessou os séculos como também espalhou-se para várias partes do mundo. Aqui no Brasil, os eventos dedicados à observação desta belíssima floração concentram-se no final do inverno, início da primavera. 

Há mais de 40 anos, imigrantes japoneses trouxeram mudas de cerejeiras para o Brasil, plantando na cidade de São Paulo o maior bosque de sakura do país. São 1.500 árvores do gênero Prunus serrulata, de três diferentes variedades: 'Ikiwari', 'Okinawa' e 'Himalaya'. Após um longo processo de aclimatação, o bosque das cerejeiras vem florescendo todos os anos, pontualmente nos meses de julho e agosto, proporcionando um espetáculo memorável a quem comparece ao festival.

A Festa das Cerejeiras é organizada anualmente pela Federação Sakura e Ipê do Brasil, entidade sem fins lucrativos responsável pela manutenção do bosque. Periodicamente, são trazidos especialistas do Japão para a verificação do estado de saúde das árvores, que sofrem mais devido às diferenças climáticas e ao ataque de pragas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário